Ladainha de todos os Santos

Esta ladainha originou-se da Oração dos fieis (séc. III), que constava duma lista de nomes de santos, cuja memória era invocada pelo celebrante durante a missa. No início era reverenciados os nomes de mártires, sobretudo os que testemunharam a fé em Roma. Com o tempo, a lista dos santos foi ampliada, tomando caráter de universalidade. Daí ser chamada de Ladainha de todos os santos. (D=Dirigente - T=Todos)
D – Deus, Pai do céu
T - Tende piedade de nós!
D – Deus Filho, Redentor do mundo
T – Tende piedade de nós.
D – Deus Espírito Santo
T – Tende piedade de nós.
D – Santíssima Trindade, que sois um só Deus
T – Tende piedade de nós.
D – Santa Maria
T – Rogai por nós.
D – Santa Mãe de Deus
T – Rogai por nós.
D – Santa Virgem das virgens
T – Rogai por nós.
D – Todos os santos Anjos e Arcanjos
T– Rogai por nós.
D – S. Miguel, S. Gabriel e S. Rafael
T – Rogai por nós.
D – Todos os patriarcas e profetas
T – Rogai por nós.
D – S. Abraão, S. Moisés, S. Elias, S. João Batista, S. José
T – Rogai por nós.
D – Todos os santos apóstolos e discípulos do Senhor, S. Pedro, S. Paulo, Santo André, S. João, S. Tiago, S. Mateus, S. Lucas, S. Marcos, S. Barnabé, S. Maria Madalena
T – Rogai por nós.
D – Todos os santos mártires, S. Estevão, S. Lourenço, S. Inácio de Antioquia, S. Justino, S. Tomás Becket, S. Tomás Morus, S. João Ficher, S. Pedro Chanel, S. Carlos Lwanga, S. Pérpetua, S. Felicidade, S. Inês, S. Maria Goretti
T – Rogai por nós.
D – Todos os santos bispos e doutores, S. Silvestre, S. Gregório, S. Agostinho, S. Atanásio, S. Basílio, S. Gregório Nazianzeno, S. João Crisóstomo, S. Carlos Borromeu, S. Pio X
T – Rogai por nós.
D – Todos os santos presbíteros e religiosos, S. Antônio, S. Bento, S. Bernardo, S. Francisco, S. Domingos, S. Tomás de Aquino, S. Inácio de Loyola, S. Francisco Xavier, S. Vicente de Paula, S. João Maria Vianney, S. João Bosco, S. Catarina de Sena, S. Teresa d’Ávila, S. Rosa de Lima, S. Mônica. S. Ludovico, S. Isabel da Hungria
T – Rogai por nós.
D – Sede-nos propício
T – Ouvi-nos, Senhor! (repetir para as invocações abaixo)
D – Para que nos livreis de todo mal,
D – Para que nos livreis de todo pecado,
D – Para que nos livreis da morte eterna,
D – Pela vossa encarnação,
D – Pela vossa morte e ressurreição,
D – Pela vossa admirável ascensão,
D – Pela efusão do Espírito Santo,
D – Pela vossa gloriosa vinda,
D – Apesar de nosso pecados,
D – Para que vos digneis conduzir e proteger a vossa Igreja,
D – Para que vos digneis conservar no vosso santo serviço o papa, os bispos e todo o clero,
D – Para que vos digneis conceder a todos os povos a paz e a verdadeira concórdia,
D – Para que vos digneis conservar-nos e confortar-nos no vosso santo serviço,
D – Para que vos digneis conceder os bens eternos a todos os nossos benfeitores,
D – Para que vos digneis dar e conservar os frutos da terra,
D– Para que vos dignes conceder o descanso eterno a todos os irmãos falecidos,
D – Para que vos digneis livrar o mundo da fome, das doenças, das guerras,D – Para que vos digneis conceder a unidade aos cristãos,
D – Para que a luz do Evangelho chegue a todos os povos,
D – Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo
T – perdoai-nos, Senhor.
D – Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo
T – ouvi-nos, Senhor.
D – Cordeiro de Deus, que tirais os pecados do mundo
T – Tende piedade de nós.

Inscreva-se em nosso canal e veja nossos vídeos