Santo do dia - 06 de julho

Santa Maria Goretti




Filha de humildes agricultores, nasceu em Ancona, em 1890. Cuidava de quatro irmãos menores e dos afazeres da casa enquanto sua mãe procurava ganhar o sustento da família no árduo trabalho do campo. Tinha 12 anos quando foi assassinada pelo jovem Alexandre Serenelli, que procurou seduzi-la. Diante da resistência da menina, assassinou-a a golpes de punhal. Arrependido do crime, Alexandre assim escreveu no fim de sua vida: "Estou velho, com quase 80 anos, e prestes a terminar minha vida na terra. Olhando para o meu passado, reconheço que na minha mocidade segui um caminho errado: o caminho do mal que me levou à desgraça ... Aos 20 anos, cometi o meu crime passional, cuja lembrança hoje me aterroriza. Maria Goretti, agora santa, foi o anjo bondoso que a Providência pôs nos meus passos. Ainda trago impresso no coração suas palavras de repreensão e de perdão. Rezou por mim, intercedeu por mim, seu assassino. Passaram-se 30 anos na cadeia. Se não fosse de menor idade, teria sido condenado por toda a vida. Aceitei a sentença merecida; resignado, expiei a minha culpa. Maria Goretti foi verdadeiramente minha luz, a minha protetora. Com o seu auxílio comportei-me bem e procurei viver honestamente, quando de novo a sociedade me recebeu entre os seus membros. Os filhos de São Francisco, os capuchinhos, acolheram-me com a caridade seráfica, como irmão. Estou com eles desde 1936. Agora espero serenamente o momento de ser admitido à visão de Deus, de rever e abraçar os meus entes queridos, e de estar perto do meu Anjo protetor e da sua querida mãe, a senhora Assunta ." Foi canonizada por Pio XII, em 1950.

Fonte: católicos.org.br

Inscreva-se em nosso canal e veja nossos vídeos